Final de ano

analises

Final de ano

1 dez 2022

DVinvestDVinvest
Com situação na China sob controle, os investidores passam a ter um maior apetite ao risco e voltam as atenções ao FED.Ontem, em uma fala bastante aguardada, Jerome Powell incialmente agradou o mercado com a bolsa de Nasdaq subindo 3%.O mercado compreende pelo discurso que uma moderação nas altas do FED poderia já acontecer na próxima reunião, que ocorre dentro de 13 dias, o mercado precifica com 77% de chances um aumento de 50 bps.Consequência dessa fala, os juros das treasuries e de títulos europeus tem queda forte na abertura dessa quinta-feira.O ânimo contamina também as bolsas que têm leve alta na Europa.Aqui no Brasil, enquanto a PEC segue os trâmites na câmara, alguns dados econômicos já chamam a atenção.O PIB mostrou uma desaceleração e cresceu 0,4% versus expectativa de 0,6% e o IPC-S subiu 0,57% contra 0,62% de expectativa.Os dados mostram que os juros nos patamares atuais já podem estar reverberando pela economia de forma mais contundente.O que se viu nos últimos dias foi uma postura mais forte do congresso nas negociações da PEC, que tendem a demonstrar a tese de que as casas mais centro direita devem fazer oposição e exigir maior traquejo por parte do novo governo eleito.Haddad tem se mostrado cada vez mais como a pessoa da Economia no governo Lula e a expectativa é de que seu nome seja anunciado de fato.A diplomação do presidente eleito deverá ocorrer dentro de 15 dias, prazo que provavelmente conheceremos o nome do novo ministro da economia.

Mercado Interno

abertura-do-mercado-1-de-dezembro_its-moneyNa bolsa, a Petrobrás, uma das grandes dúvidas em meio a um novo governo, divulgou um plano estratégico de investimentos para o período de 2023 – 27 orçado em USD 78 bi.O foco será em desenvolver campos em águas profundas, algo que a empresa é referência no mundo. O mercado, entretanto, ainda aguarda mais desdobramentos do governo Lula na estatal, que é considerada uma das mais sagradas a qualquer governo, antes de fazer maiores planos.A companhia Positivo foi excluída da primeira previa da carteira teórica do IBOV para o período de janeiro a abril de 2023. Nenhuma nova ação foi incluída.

Análise técnica Ibovespa

analise-tecnica-ibovespa-01-de-dezembro_its-moneyO Ibovespa nesta quarta-feira finalizou o pregão com uma alta de 1,42% aos 112.486 pontos, com o segundo dia consecutivo no campo positivo.Apesar da alta, o ativo não superou nenhum nível importante, e continua em uma região de preço mais travada no curto prazo.Dessa forma, o índice vem apresentando um movimento lateral, entre os 108.780 pontos e a média móvel nos 112.610 pontos.Posto isso, o ideal seria aguardar o ativo sair dessa zona mais trava de preço para a abertura de posições, já que está sem uma tendência definida no curto prazo.Para a retomada de um viés mais positivo, o primeiro sinal seria a superação dos 112.610 pontos, dando continuidade ao movimento de alta dos últimos dois pregões.

Análise técnica S&P500

analise-tecnica-S&P-500-01-de-dezembro_its-moneyO S&P500 fechou essa quarta-feira com uma alta significativa de 3,29% aos 4.089 pontos. Em que devolveu e superou toda a baixa dos últimos três pregões, mostrando força para a retomada de tendência de alta no curto prazo.Dessa forma, a superação dos 4.089 pontos aumenta a probabilidade de o índice continuar o movimento de alta, onde pode voltar a ser negociado nos 4.118 pontos (primeiro nível importante acima).

Commodities

O Petróleo mantém sua alta, ainda que de forma mais discreta e sustenta o patamar dos USD 80 para o WTI.O minério de ferro sobe em Singapura e o futuro também avança. Em novembro o contrato futuro do minério teve sua maior alta registrada para o mês de novembro quando avançou 27%Nas commodities de energia e metálicas, pesa um certo otimismo de que a situação na China tende a melhorar rapidamente.

Análise técnica petróleo

analise-tecnica-petroleo-01-de-dezembro_its-moneyO petróleo fechou essa quarta-feira em alta de 2,19% aos USD 87,35/barril, com o terceiro dia consecutivo no campo positivo. Apesar da alta, o ativo não anulou a tendência de baixa que se encontra no curto prazo, e o movimento de alta pode ser considerado como uma correção, ou seja, um repique de alta.Dessa forma, para anular completamente a tendência de baixa que se encontra no curto prazo, o ativo precisa voltar a ser negociado nos USD 96,12/barril. Porém, o primeiro sinal positivo, mostrando uma possível mudança de tendência, seria a superação dos USD 89,26/barril.

Analistas responsáveis

Dalton Vieira – Analista CNPI-T

  • + 15 anos de experiência no mercado financeiro;
  • Analista de valores mobiliários (CNPI-TEM 910);
  • Credenciado pela Apimec desde 2010;Desenvolvedor do método DV de investimentos.

Leonardo Gibelli – Analista CNPI-T

  • Analista CNPI-T;
  • Analista CNPI-T EM-3376 credenciado pela Apimec;
  • Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Erik Sala – Especialista Em FIIs E Renda Fixa

Graduando em Economia pela UFG e especialista em Fundos Imobiliários. Assistente de análise responsável pela carteira DV Renda Imobiliária.

Disclaimer

De acordo com a Resolução CVM nº 20, de 25 de fevereiro de 2021, Art. 21º, declaro que as análises realizadas neste relatório refletem única e exclusivamente a opinião dos autores, e foram elaboradas de forma independente e autônoma.De acordo com o art. 21 da ICVM 598/18, caso o Analista esteja em situação que possa afetar a imparcialidade do relatório ou que configure ou possa configurar conflito de interesse, este fato deverá estar explicitado no campo “Conflitos de Interesse” deste relatório.As informações, estimativas e projeções contidas neste relatório referem-se à data de publicação e estão sujeitas a mudanças, não implicando necessariamente na obrigação de qualquer comunicação no sentido de atualização ou revisão com respeito a tal alteração.
DVinvest

DVinvest

A DVinvest é a casa de análise fundada pelo renomado analista Dalton Vieira, que possui em sua equipe profissionais altamente especializados em análise fundamentalista e técnica de ações.

Saber mais

Gostou do conteúdo?

Queremos sempre melhorar a experiência a sua experiência. Se puder, dê uma forcinha para o time de redação e conte o que você achou da edição de hoje.

O que achou deste conteúdo?

  • Ruim
  • Ótimo
As melhores análises do mercado

Receba em primeira mão as melhores análises do mercado financeiro diretamente em sua caixa de entrada. Nossa newsletter oferece insights exclusivos, tendências e perspectivas sobre o mercado.

Deixe-me ler primeiro uma amostra