Pressão nos mercados

analises

Pressão nos mercados

31 jan 2023Última atualização: 21 junho 2024

DVinvestDVinvest

Futuro de ações mostra queda para as principais bolsas no mundo, em compasso de espera para as decisões de bancos centrais importantes, como o FED nos EUA, BCE na Europa e BoE na Inglaterra.

São esperados aumentos nas taxas de juros em todos esses nesta semana (25 bps nos EUA e 50 bps on restante).

Dados econômicos e balanços corporativos tem feito o mercado calibrar as apostas quanto uma provável recessão em meio a este cenário de aumentos. A leitura é de que os balanços estão mostrando deterioração nas margens das empresas o que pode levar a revisões de lucros para baixo nos índices.

A esperança de alguma recuperação vem da China, que tem mostrando um grau aceitável de recuperação e retomada. Porém alguns investidores tem ponderado a expectativa de que reabertura na China possa gerar inflação, agravando a situação.

As commodities industriais tem dia de baixa, com operadores aguardando dados mais contundentes da economia chines. Por hora, os PMIs da China mostraram recuperação da atividade por lá. A Vale deve divulgar seu relatório de produção no fechamento do mercado hoje, com mercado estimando uma produção de 82,6 mi toneladas de minério de ferro no 4T22. O guidance para 22 é de 310 mi toneladas.

Aqui no Brasil, tem pesado sobre os mercados a disputa para presidência do Senado, entre o atual presidente e candidato do PL Rogério Marinho. Analistas políticos enxergam uma disputa entre Lula e Bolsonaro, não deia de ser uma disputa acirrada entre os dois espectros políticos.

abertura-do-mercado-31-janeiro_its-money

Análise técnica Ibovespa

analise-tecnica-ibovespa-31-janeiro_its-money

O Ibovespa nesta segunda-feira fechou em queda de 0,04% aos 112.273 pontos. Apesar da baixa, o índice não chegou a perder nenhum nível importante e segue sendo negociado acima das médias móveis. Dessa forma, a expectativa segue positiva para os próximos dias, porém, a perda dos 111.823 pode complicar esse cenário.

Análise técnica S&P500

analise-tecnica-S&P500-31-janeiro_its-money

O S&P500 nessa segunda-feira fechou em queda de 1,30% aos 4.017 pontos. Apesar da baixa, o índice não anulou a tendência de alta que se encontra no curto prazo.

Porém, o S&P pode durante os próximos dias apresentar um movimento de correção, seja buscando a média móvel nos 4.000 pontos, ou apresentando um movimento mais lateral.

Análise técnica petróleo

analise-tecnica-petroleo-31-janeiro_its-money

O petróleo nesta segunda-feira terminou o pregão em baixa de 1,88% aos USD 84,39/barril. O ativo acabou fechando abaixo das médias móveis, o que contribui para o aumento do viés negativo.

A perda dos USD 84,21/barril indica que o petróleo pode dar continuidade nesse movimento de baixa, buscado a região dos USD 82,84/barril. Para a retomada de uma expectativa positiva, o ativo deve voltar a ser negociado acima dos USD 85,70/barril.

Análise técnica dólar

analise-tecnica-dolar-31-janeiro_its-money

O dólar terminou essa segunda-feira em alta de 0,25% em 5,11 dólar/real, fechando no campo positivo pelo segundo dia consecutivo. O dólar estaria dentro de um movimento de correção, buscando os 5,14 dólar/real. Porém, em termos de tendência, o ativo segue em tendência de baixa no curto prazo.

A perda dos 5,05 dólar/real retomaria essa expectativa de voltar a ser negociado em patamares mais abaixo.

Analistas responsáveis

Dalton Vieira – Analista CNPI-T

  • + 15 anos de experiência no mercado financeiro;
  • Analista de valores mobiliários (CNPI-TEM 910);
  • Credenciado pela Apimec desde 2010;

    Desenvolvedor do método DV de investimentos.

Leonardo Gibelli – Analista CNPI-T

  • Analista CNPI-T;
  • Analista CNPI-T EM-3376 credenciado pela Apimec;
  • Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Erik Sala – Especialista Em FIIs E Renda Fixa

Graduando em Economia pela UFG e especialista em Fundos Imobiliários. Assistente de análise responsável pela carteira DV Renda Imobiliária.

Disclaimer

De acordo com a Resolução CVM nº 20, de 25 de fevereiro de 2021, Art. 21º, declaro que as análises realizadas neste relatório refletem única e exclusivamente a opinião dos autores, e foram elaboradas de forma independente e autônoma.

De acordo com o art. 21 da ICVM 598/18, caso o Analista esteja em situação que possa afetar a imparcialidade do relatório ou que configure ou possa configurar conflito de interesse, este fato deverá estar explicitado no campo “Conflitos de Interesse” deste relatório.

As informações, estimativas e projeções contidas neste relatório referem-se à data de publicação e estão sujeitas a mudanças, não implicando necessariamente na obrigação de qualquer comunicação no sentido de atualização ou revisão com respeito a tal alteração.

DVinvest

DVinvest

A DVinvest é a casa de análise fundada pelo renomado analista Dalton Vieira, que possui em sua equipe profissionais altamente especializados em análise fundamentalista e técnica de ações.

Saber mais

Gostou do conteúdo?

Queremos sempre melhorar a experiência a sua experiência. Se puder, dê uma forcinha para o time de redação e conte o que você achou da edição de hoje.

O que achou deste conteúdo?

  • Ruim
  • Ótimo
As melhores análises do mercado

Receba em primeira mão as melhores análises do mercado financeiro diretamente em sua caixa de entrada. Nossa newsletter oferece insights exclusivos, tendências e perspectivas sobre o mercado.

Deixe-me ler primeiro uma amostra