Análises Morning Call Notícias

Hoje a bruxaria é tripla

Hoje a bruxaria é tripla
  • Publicado em 16 de setembro de 2022

E para encerrar a semana, essa sexta-feira que conta com agenda econômica mais calma, promete volatilidade aos mercados.

Como diz o título, hoje, nos EUA, é dia de Triple Witching (bruxaria tripla). O evento que acontece quatro vezes ao ano, marca o dia em que vencem, simultaneamente, contratos futuros de índices de ações, opções de índices de ações e opções de ações.

Portanto, os mercados podem parecer disfuncionais e fortemente voláteis no dia de hoje.

Abertura do mercado no Brasil

abertura-do-mercado-16-de-setembro_its-money.png

No Brasil, o dia também deve trazer volatilidade com o vencimento de opções nessa sexta-feira. Apesar da agenda já esvaziada para encerrar a semana o dia trouxe novos dados de inflação por aqui, com a divulgação do IGP-10.

O índice de preços calculado pela FGV que mede as oscilações entre o dia 11 do mês anterior e o dia 10 desse mês mostrou nova deflação e maior que o esperado.

As projeções indicavam queda 0,4% nos preços, enquanto o dado divulgado agora pela manhã mostrou redução de 0,9% na comparação mensal.

A marcação mostra o segundo mês consecutivo no campo negativo e, assim como demais índices de preços, tem dado indicações positivas no combate às pressões inflacionárias.

Por aqui, o Banco Central já tem em mãos o conjunto de dados que deve levar à nova decisão sobre a política monetária local.

Dados de inflação seguem mostrando arrefecimento, o que fortalece a visão dovish de que o BC pode encerrar os apertos monetários já na próxima quarta-feira (21).

Por outro lado, uma série de dados de atividade econômica seguem apontando para um desempenho forte, sem desaceleração mesmo com a alta de juros, o que abre espaço para maiores apertos pelo BC.

A semana se encerra agora, mas a cautela deve ser mantida em meio às incertezas que se estendem até a próxima semana.

Abertura do mercado nos EUA

Nos EUA, a volatilidade deve tomar conta dos mercados. Com o Triple Witching (o vencimento triplo de opções) acontecendo, a expectativa é que a liquidação de posições e recolocação de portfólios movimento o mercado com volumes financeiros significativos.

Na agenda de divulgações o dia é morno, mas traz informação relevante com dados de Sentimento do Consumidor calculado pela Universidade de Michigan em setembro, às 11h. As estimativas indicam melhora na situação, com o índice subindo de 58,2 para 60,0, no mês.

Por lá, dados de varejo mostraram crescimento inesperado na divulgação de ontem, além de pedidos de seguro desemprego que registraram nova queda.

Esse conjunto de dados foi uma nova demonstração de força da economia norte-americana, e desanimou os mercados que esperam sinais de desaceleração.

Ainda pujante, a economia americana abre caminho para o Fed ainda mais agressivo. O aumento de 75 pontos base previsto para a próxima quarta-feira, volta a ser colocado em xeque pelas pressões por um aumento de maior magnitude, de 100 bps.

Por outro lado, dados de indústria indicaram enfraquecimento que não era esperado. Projeção indicavam estabilidade da atividade industrial, enquanto o dado reportado mostrou queda de 0,2% em agosto contra o mês anterior.

Os sinais de desaceleração, mesmo que ainda tímidos, podem ser um freio na agressividade da autoridade monetária americana, e conter apertos restritivos do Fed.

As perspectivas de maiores taxas, e por um período maior, trazem forte movimento de aversão ao risco. Temos visto, com isso, uma escalada da moeda norte-americana, que segue ganhando força, e deve continuar nesse sentido, à medida que o dólar, como moeda forte, representa um refúgio ao risco.

Abertura do mercado na Europa

Na Europa o dia começou com divulgação de dados de inflação ao consumidor na zona do euro. A medição mostrou, assim como esperado, alta de 9,1% na base anual, acima dos 8,9% registrados no mês anterior.

Por lá, o dia também deve ser tomado por volatilidade, uma vez que a bruxaria lá é quadrupla. Isso mesmo, o dia marca o vencimento de contratos futuros de índices de ações, opções de índices de ações, opções de ações e contratos futuros de ações.

Assim como nos EUA, os vencimentos e recolocação de portfólios devem movimentar volumes expressivos de recursos e trazer comportamento disfuncional aos mercados, por isso, a palavra de ordem é cuidado.

Também no continente europeu, depois de uma série de divulgações econômicas que trouxeram maior clareza ao desempenho da zona do euro, hoje, a Presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde faz comunicado ao mercado.

Mercado Interno

O Ibovespa encerrou o dia de ontem com queda de 0,54% e caminha para encerrar a semana no negativo.

O mercado de ações por aqui acabou sofrendo por um movimento de aversão ao risco com dados da economia americana que indicaram maior necessidade de aperto monetário por lá.

Por aqui, tudo indica que o Banco Central deve encerrar o atual ciclo de aperto monetário, o que deve fortalecer a migração de recursos para a renda variável e fortalecer nossa bolsa, que segue operando com desconto.

Análise técnica Ibovespa

analise-tecnica-ibovespa-16-de-setembro_its-money.png

O Ibovespa, analisando o gráfico diário, se encontra dentro de um movimento de baixa, que nos últimos 3 dias já acumulou -3,42%.

Por isso, a expectativa é que o índice continue esse movimento, em direção aos 109.500 pontos.

Como o Ibovespa está próximo a um nível importante mais abaixo, olhar para operações na ponta vendedora se torna desfavorável em relação ao Risco x Retorno

Um primeiro sinal positivo seria a superação dos 111.100 pontos fechando acima da média móvel, e confirmando um viés mais positivo, seria a superação dos 113.400 pontos.

Mercado Externo

Nos EUA, as bolsas seguem pressionadas por um cenário de escalada de preços e juros, que tem tirado atratividade do mercado de ações. O S&P 500 encerrou o pregão de ontem com queda de 1,13% e caminha para completar a semana no negativo.

Por lá, as perspectivas de apertos monetários mais agressivos e uma política monetária mais restritiva por mais tempo, tem promovido forte aversão ao risco, e exige cautela, à medida que o fim do ciclo de alta das taxas sequer aparece no horizonte.

Para hoje, o dia deve ser dominado por volatilidade com o Triple Witching, que deve movimentar a última hora do pregão, por lá.

Análise técnica S&P500

analise-tecnica-ibovespa-S&P-500-16-de-setembro_its-money.png

O S&P500 continua dentro de um movimento de baixa, em que o acumulado nos últimos três dias foi de -6,24% o que traz uma expectativa mais negativa no curto prazo.

Com o fechamento de ontem o S&P perdeu níveis importantes como os 3.900 pontos. Isso faz com que o índice retome sua tendência de baixa. Onde a maior probabilidade é que busque patamares mais abaixo, como os 3.790 pontos.

Entretanto, buscar operações na ponta vendedora seria desfavorável do ponto de vista Risco x Retorno. Isso pois o índice, após essa queda, pode passar por uma possível correção no preço ou tempo.

Commodities

O minério de ferro fechou a madrugada negociando em queda em Singapura. Apesar dos dados de produção industrial na economia chinesa (principal driver de preços do minério), indicar recuperação da atividade, de 4,2% no mês, dados e estoques da commodity mostraram alta em portos chineses, o que desacelerou os preços e desanimou o mercado.

O petróleo opera em alta nessa manhã de sexta-feira. O cenário para a commodity segue sem grandes alterações, ainda com muito receio de que a desaceleração mais brusca de economias globais promova uma degradação forte da demanda.

Na ponta da oferta, o cenário ainda é de aperto, sem grandes entrantes no mercado, à medida que sanções contra Irã e Rússia permanecem em vigor.

Análise técnica petróleo

analise-tecnica-petroleo-16-de-setembro_its-money.png

O petróleo, olhando para o gráfico diário, continua com uma expectativa mais negativa mesmo com a leve alta de ontem.

Isso pois ao perder a região dos USD 91,33/barril traz maior probabilidade de buscar patamares mais abaixo, como os USD 86,81/barril.

A perda dos USD 89,35/barril reforça essa expetativa mais negativa. Pensando no médio prazo (gráfico semanal), o petróleo está perdendo uma região. importante de média móvel onde a perda dos USD 86,79/barril reforça um viés mais negativo.

Analistas responsáveis

Dalton Vieira – Analista CNPI-T

  • + 15 anos de experiência no mercado financeiro;
  • Analista de valores mobiliários (CNPI-TEM 910);
  • Credenciado pela Apimec desde 2010;
    Desenvolvedor do método DV de investimentos.

Henrique Tavares – Analista CNPI

  • Analista CNPI (CNPI EM-3176);
  • Credenciado pela Apimec;
  • Formado em Engenharia;
  • Aeronáutica pela Universidade Federal Uberlândia (UFU).

Leonardo Gibelli

  • Analista CNPI-T;
  • Analista CNPI-T EM-3376 credenciado pela Apimec;
  • Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Disclaimer

De acordo com a Resolução CVM nº 20, de 25 de fevereiro de 2021, Art. 21º, declaro que as análises realizadas neste relatório refletem única e exclusivamente a opinião dos autores, e foram elaboradas de forma independente e autônoma.

De acordo com o art. 21 da ICVM 598/18, caso o Analista esteja em situação que possa afetar a imparcialidade do relatório ou que configure ou possa configurar conflito de interesse, este fato deverá estar explicitado no campo “Conflitos de Interesse” deste relatório.

As informações, estimativas e projeções contidas neste relatório referem-se à data de publicação e estão sujeitas a mudanças, não implicando necessariamente na obrigação de qualquer comunicação no sentido de atualização ou revisão com respeito a tal alteração.

As plataformas usadas para realização deste relatório são Bloomberg e Profit (Nelogica), além de portais de notícias nacionais e internacionais devidamente identificados quando utilizados.

Written By
DVinvest

A DVinvest é a casa de análise fundada pelo renomado analista Dalton Vieira, que possui em sua equipe profissionais altamente especializados em análise fundamentalista e técnica de ações.