Análises Morning Call

Nuvem de pessimismo

Nuvem de pessimismo
  • Publicado em 25 de janeiro de 2023

Its_Money_Morning_Call

Macro

Mercados abrem essa quarta-feira com repercussão negativa dos balanços de tecnologia nos EUA, após os resultados da Microsoft virem abaixo do consenso do mercado nos lucros e acenderem um alerta quanto desaceleração do segmento de nuvem da empresa, Azure, setor que recentemente era considerado como chave no mercado como todo e que pode ter afetado outras companhias de segmentos parecidos.

Tesla e IBM divulgam balanços hoje no final do pregão, pode trazer surpresas.

Aumentando o grau de pessimismo, os PMIs nos Estados Unidos também mostraram desaceleração importante, com atividade da indústria e serviços em contração. Índice futuro de Nasdaq cai cerca de -0,8%.

As principais commodities com vocação industrial, como o petróleo e o minério de ferro tem dia estável na bolsa, repercutindo desaceleração global e menor demanda.

No mercado local, feriado em São Paulo com funcionamento da B3 deve capturar parte do sentimento negativo que paira nos mercados.

As Americanas divulgaram a relação de dividas e credores, referentes ao seu processo de recuperação judicial, com Bradesco sendo um dos bancos com maior exposição, de 4,8 bi.

O Deutsche Bank aparece como maior credor da Companhia, porém o banco relatou não ter exposição de credito à Americanas.

Essa lista de credores engloba participação em fundos passivos, custodiantes ou administradores de títulos que não necessariamente detém a divida da empresa, sendo esse o caso provável do Deutsche.

Na política, Lula continua sua viagem na América Latina, por vezes dando declarações polemicas sobre a volta do BNDES como motor de financiamento na região, que dado o histórico de destruir valor do contribuinte, vem sendo recebido com bastante desconfiança pelo mercado.

Por enquanto, as promessas ainda estão somente no campo da retórica, com parte da equipe econômica tentando por panos quentes nas declarações.

Mercado Interno

Its_Money_mercado interno

Análise Técnica

O Ibovespa nesta terça-feira fechou em alta de 1,16% aos 113.028 pontos. O índice mostrou uma boa recuperação devolvendo praticamente toda a baixa dos últimos dois pregões.

Isso aumenta a expectativa positiva para o índice no curto prazo, porém ainda não conseguiu superar os 113.050 pontos.

Dessa forma, é importante que o Ibov continue essa alta para retomar a tendência de alta no curto prazo.

Mercado Externo

Its_Money_mercado externo

Análise Técnica

O S&P500 nessa terça-feira fechou levemente no negativo, com queda de 0,07% aos 4.016 pontos.

O índice chegou a apresentar uma baixa de 0,75%, porém conseguiu devolver boa parte e fechar praticamente no zero a zero.

Apesar da baixa, o S&P não chegou a perder nenhum nível importante, e por isso, a expectativa para o S&P no curto prazo segue mais positiva, em que pode buscar patamares mais acima como os 4.080 pontos.

Commodities

Its_Money_commodities

Análise Técnica

O petróleo nesta terça-feira terminou o pregão em baixa de 1,74% aos USD 86,41/barril.

Apesar da queda, o ativo segue trabalhando acima das médias móveis, mantendo a expectativa mais positiva para os próximos dias.

Entretanto, após um longo movimento de alta, aumenta-se a probabilidade de o ativo apresentar uma correção.

Essa correção pode ser tanto no tempo (movimento mais lateral) quanto no preço (buscando níveis mais abaixo). A perda dos USD 85,84/barril reforça essa expectativa.

Dólar

dolar_Its_Money

Análise Técnica

O dólar terminou essa terça-feira em baixa de 1,31% em 5,13 dólar/real.

O ativo estaria terminando o movimento de correção, e iniciando um novo movimento de baixa.

Isto é, a expectativa para os próximos dias é de baixa, onde pode voltar a ser negociado em patamares como os 5,09 dólar/real.

Analistas responsáveis

Dalton Vieira – Analista CNPI-T

  • + 15 anos de experiência no mercado financeiro;
  • Analista de valores mobiliários (CNPI-TEM 910);
  • Credenciado pela Apimec desde 2010;
    Desenvolvedor do método DV de investimentos.

Leonardo Gibelli – Analista CNPI-T

  • Analista CNPI-T;
  • Analista CNPI-T EM-3376 credenciado pela Apimec;
  • Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Erik Sala – Especialista Em FIIs E Renda Fixa

Graduando em Economia pela UFG e especialista em Fundos Imobiliários. Assistente de análise responsável pela carteira DV Renda Imobiliária.

Disclaimer

De acordo com a Resolução CVM nº 20, de 25 de fevereiro de 2021, Art. 21º, declaro que as análises realizadas neste relatório refletem única e exclusivamente a opinião dos autores, e foram elaboradas de forma independente e autônoma.

De acordo com o art. 21 da ICVM 598/18, caso o Analista esteja em situação que possa afetar a imparcialidade do relatório ou que configure ou possa configurar conflito de interesse, este fato deverá estar explicitado no campo “Conflitos de Interesse” deste relatório.

As informações, estimativas e projeções contidas neste relatório referem-se à data de publicação e estão sujeitas a mudanças, não implicando necessariamente na obrigação de qualquer comunicação no sentido de atualização ou revisão com respeito a tal alteração.

Written By
DVinvest

A DVinvest é a casa de análise fundada pelo renomado analista Dalton Vieira, que possui em sua equipe profissionais altamente especializados em análise fundamentalista e técnica de ações.