Economia

Volume de serviços avança 0,9% em março, diz IBGE

Volume de serviços avança 0,9% em março, diz IBGE
  • Publicado em 16 de maio de 2023

O volume de serviços no Brasil avançou 0,9% em março, na comparação com fevereiro, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Além disso, a pesquisa volume de serviços IBGE mostrou que o setor ficou 12,4% acima do nível de fevereiro de 2020 (pré-pandemia) e 1,3% abaixo de dezembro de 2022, o auge da série histórica.

Assim, na série sem ajuste sazonal, frente a março de 2022, o volume de serviços avançou 6,3%, sua 25ª taxa positiva consecutiva.

Como resultado, o acumulado do ano foi de 5,8% e o acumulado em 12 meses passou de 7,8% em fevereiro de 2023 para 7,4% em março. Esse é o menor resultado desde setembro de 2021 (6,8%).

Volume de serviços IBGE

A expansão de 0,9% do volume de serviços em março de 2023, na série com ajuste sazonal, foi acompanhada por três das cinco atividades investigadas. Nesse sentido, destaque para o setor de transportes (3,6%) e o de serviços profissionais, administrativos e complementares (2,6%).

O primeiro acumulou ganho de 7,0% em fevereiro e março de 2023, enquanto o segundo recuperou parte da perda de 3,4% acumulada nos dois primeiros meses do ano.

Turismo

A receita nominal dos serviços cresceu 0,8% na comparação com fevereiro deste ano, 11,8% em relação a março de 2022, 12% no acumulado do ano e 14,7% no acumulado de 12 meses.

O segmento de atividades turísticas, analisado separadamente pela pesquisa, apresentou variação de 0,1% em março, depois de uma queda de 1,3% em fevereiro. Com o resultado, o setor do turismo está 1,4% acima do patamar pré-pandemia (fevereiro de 2020). Porém, está 5,9% abaixo do ponto mais alto da série (fevereiro de 2014).

Outros setores

Ainda segundo a pesquisa volume de serviços IBGE, outro avanço do mês veio dos serviços de informação e comunicação (0,2%) com alta de 2,5% nos três primeiros meses do ano. Isso ocorre após uma queda acumulada de 2,3% nos dois últimos meses de 2022.

Por outro lado, as influências negativas do mês vieram de serviços prestados às famílias (-1,7%) e os outros serviços (-0,6%).

Written By
Redação It's Money

A redação do portal It’s Money é formada por um time de profissionais com ampla experiência editorial, com acompanhamento e revisão de jornalistas especializados.