Onde Investir Primeiros Passos

Como investir para ir à Copa do Mundo 2026

Como investir para ir à Copa do Mundo 2026
  • Publicado em 20 de outubro de 2022

Investir para ir à Copa do Mundo 2026 é uma ótima estratégia para quem deseja presenciar as inesquecíveis partidas de futebol ao vivo e a cores

E como a disputa de 2022 está chegando, muitos brasileiros entraram no clima e já começaram a pensar nesse campeonato que virá daqui a 4 anos.  O que faz sentido, também, porque o próximo embate mundial acontecerá um pouco mais perto do Brasil. 

Mas quanto custa isso?

Além dos ingressos das partidas, ir a uma Copa do Mundo envolve gastos comuns aos de viagens – como passagens, hospedagem e alimentação.

E, no caso da Copa do Mundo de 2026, essa conta será ainda um pouco mais cara para o torcedor: são três países diferentes sediando os jogos.

Então, para te ajudar a entender quanto custa ir à Copa de 2026 e como se preparar financeiramente para isso, trouxemos aqui informações importantes sobre despesas e investimentos. 

Leia até o final para fazer seu planejamento para a Copa!

Quanto custa ir para a Copa do Mundo em 2026

O custo para ir à Copa do Mundo em 2026 varia bastante de acordo com a partida, data e país selecionado

Portanto, para fazer uma estimativa de valores e se planejar é necessário conhecer um pouco mais sobre o campeonato. Vamos lá?

Como vai ser a Copa do Mundo de 2026

A Copa do Mundo de 2026 acontecerá nos meses de junho e julho, nos Estados Unidos, Canadá e México. Disputam o total de 48 seleções, são 34 dias de campeonato e 80 partidas de futebol. 

Com essa quantidade de jogos acontecendo em países vizinhos, faz sentido escolher alguns deles para ver ao vivo em cada um dos três territórios.

Mas, como você já sabe, para concretizar essa tour futebolística é necessário fazer um planejamento financeiro consistente e conhecer valores específicos de cada região. 

Para falar nisso, veja mais detalhes sobre as cidades que sediarão as partidas.

Onde serão os jogos da Copa de 2026?

Os jogos da Copa de 2026 acontecerão em 2 cidades do Canadá, em 3 cidades do México e em 11 cidades dos Estados Unidos. 

Veja quais são as localidades de cada país:

  • Toronto (Canadá)
  • Vancouver (Canadá)
  • Cidade do México (México)
  • Monterrey (México)
  • Guadalajara (México)
  • Atlanta (EUA)
  • Los Angeles (EUA)
  • Nova Iorque (EUA)
  • Boston (EUA)
  • Kansas City (EUA)
  • Miami (EUA)
  • Houston (EUA)
  • Filadélfia (EUA)
  • Seattle (EUA)
  • San Francisco (EUA)
  • Dallas (EUA)

Vale lembrar que ainda não foi definido exatamente quando cada cidade receberá cada jogo. 

Por isso, ainda não se sabe com certeza se a abertura da Copa ocorrerá no México ou nos Estados Unidos, por exemplo.

Para saber exatamente quanto custa ir para a Copa do Mundo em 2026, seria necessário definir dia e local – assim, ficaria mais fácil calcular preços de passagens e hospedagens. 

Mas, podemos fazer uma estimativa conhecendo esses detalhes que acabamos de compartilhar.

Quanto dinheiro preciso ter para ir à Copa do Mundo de 2026?

Vamos fazer os cálculos considerando que o torcedor planeje assistir a 2 jogos da Copa 2026.

No México

Vendo 2 jogos no México, os custos podem ser em média de:

 

  • R$4.000 de passagem para Cidade do México + 
  • R$550 de hospedagem + 
  • R$1.800 de alimentação +
  • Os valores dos ingressos ainda não foram divulgados pela Fifa, mas podemos estimar uma média de R$1.500 para cada.  Lembrando que essa é uma média, o valor pode variar bastante de acordo com a importância do jogo e o assento.

Isso tudo dá um total de R$9.350,00.

Nos Estados Unidos

Já vendo 2 jogos nos Estados Unidos, o torcedor pode gastar cerca de: 

  • R$4.500 de passagem (para Miami) + 
  • R$1.000 de hospedagem + 
  • R$6.500 de alimentação. 

Supondo também que o custo de um ingresso seja R$1.500, dá um total de R$15.000,00.

No Canadá

E se a escolha for assistir a 2 jogos no Canadá, os gastos podem girar em torno de: 

  • R$6.500 de passagens para Toronto + 
  • R$1.500 de hospedagem + 
  • R$5.000 de alimentação. 

Considerando os mesmos gastos com ingressos em R$1.500,  no total fica uma soma de R$16.000,00.

Importante: como fizemos o cálculo das estimativas

Nosso cálculo foi feito considerando as seguintes condições: 

  • Voos saindo de São Paulo, em classe econômica, sendo alguns deles com escalas.
  • Hospedagem de 21 dias, entre os meses de junho e julho, em hotéis de 3 estrelas com localização próxima a algum dos estádios que sediarão os jogos.
  • Estimativa dos ingressos baseada nos valores de jogos anteriores.

Cuidado com as variações!

Vale lembrar também que essas estimativas estão baseadas nos preços atuais de passagens, do dólar, dos hotéis, dos custos com comida e da taxa de câmbio. 

Por isso, caso você esteja se planejando para assistir a alguns jogos da Copa de 2026, recomendamos refazer estes cálculos de tempos em tempos.

Assim, a estimativa de dinheiro que você precisa ter para viajar com tranquilidade ficará mais perto do valor real.

Como se preparar para ir à Copa do Mundo 2026

Além de pesquisar preços e começar a guardar dinheiro, é preciso ter alguns cuidados antes de fazer uma viagem internacional desse tipo. Para te ajudar, vamos dar algumas dicas.

Passaporte

Todo passageiro que voa para fora do Brasil precisa de passaporte. É o documento pessoal aceito no mundo todo. Caso você ainda não tenha um, faça sua solicitação no site da Polícia Federal.

Visto

Os brasileiros devem ter um visto de turista (B-2) aprovado para entrar nos EUA

Para tirar o visto, é preciso preencher um formulário online, pagar a taxa do consulado americano (cerca de 160 dólares) e fazer uma entrevista presencial. Depois de aprovado, o visto leva mais ou menos dez dias para ficar pronto e ser devolvido no passaporte para o turista.

O México e o Canadá também estão exigindo visto de turistas brasileiros. Por isso, fique atento às regras de cada país.

Vacina de Covid

É necessário comprovar que tem o esquema de vacinação completo há pelo menos 14 dias antes da viagem.

Seguro viagem

Ele não é obrigatório, mas é altamente recomendado.

O seguro viagem vai cobrir suas despesas caso você fique doente ou se machuque. E nos EUA, por exemplo, a saúde é 100% privada e uma das mais caras do mundo. Isso quer dizer que lá qualquer consulta ou atendimento é pago integralmente pelo paciente.

Nessas horas o seguro viagem faz toda a diferença e te ajuda a não ter mais essa dor de cabeça e despesa.

Atualize-se

Mesmo tendo todas as informações necessárias para fazer uma viagem tranquila, é sempre bom ficar de olho nas notícias. 

Afinal, as regras para entrar em algum dos 3 países podem mudar. E se você souber de antemão, dá tempo de se preparar.

Antecipe-se

Tratando-se de viagens internacionais, quanto antes você se programar, melhor. Acompanhe os preços de passagens e hospedagens da onde pretende ir e compre assim que achar preços interessantes. Não deixe para última hora, porque você pagará muito mais caro.

Dicas adicionais

Além desses cuidados, outra forma de você se preparar para ir à Copa do Mundo 2026 é prestar atenção aos detalhes. Como, por exemplo, pesquisar hospedagens perto de algum ponto de interesse, (como os estádios) ou informar-se a respeito dos transportes públicos da região. 

Outra dica é acompanhar a variação do dólar (ou da moeda local) e comprar um pouco quando o preço estiver interessante, além de pesquisar sobre a melhor forma de levar, guardar e usar o seu dinheiro nas cidades que você vai visitar durante a Copa 2026.

Ainda, essa etapa importante do preparo da viagem exige um planejamento um pouco mais detalhado. Veja a seguir.

Como organizar as finanças para ir aos jogos da Copa

Você viu que é necessário ter uma certa quantia em dinheiro para ir aos jogos da Copa em 2026, e caso você ainda não possua essa quantia em caixa, é importante já se programar financeiramente para ter esse valor lá na frente.

E claro que, além das despesas que mencionamos nas estimativas, é preciso viajar com dinheiro disponível para outros gastos, como: locomoção, chip de internet para o celular, passeios, imprevistos e demais compras que se fizerem necessárias.

Por conta disso, algo que pode te ajudar a se organizar financeiramente é ter tudo anotado. O bom e velho controle financeiro faz toda diferença. Nesse sentido, você pode optar pela ferramenta que mais te agrada: planilha, aplicativo, site ou até mesmo papel.

O importante é começar e anotar o máximo possível, tanto os gastos quanto os rendimentos. 

  1. Comece colocando no “papel” o quanto você costuma receber todos os meses e a data. 
  2. Depois adicione todas as despesas fixas (uma por uma), seguido de uma estimativa das despesas variadas. Baseado no seu histórico de despesas, você deve saber mais ou menos quanto costuma gastar todos os meses, não é mesmo? 
  3. Agora, pegue o quanto sobrou (rendimentos menos gastos fixos e variáveis) e faça as contas para até 2026. 
  4. Multiplique o valor pelo número de meses até lá. Veja se até a data da viagem você terá dinheiro suficiente para assistir aos jogos da Copa que deseja.
  5. Caso note que o valor é insuficiente, significa que você precisa mudar alguns hábitos, como começar a economizar e investir. 

Mas antes de falarmos sobre investimentos, vamos revisar algumas coisas que você deve fazer na fase da preparação:

  • Listar todas as despesas da viagem;
  • Traçar um plano/meta para acumular dinheiro;
  • Se possível, pagar algumas despesas com antecedência (passagem, hospedagem);
  • Quitar todos os débitos antes da Copa;
  • Agendar o pagamento das suas contas fixas para o período em que estiver fora;
  • Calcular a quantia necessária de dinheiro para levar em espécie e no cartão;
  • Programar-se para ter o valor necessário disponível na data da viagem através de investimentos.

Como investir para ir à Copa do Mundo 2026

Investir para ir à Copa do Mundo 2026 é mais do que simplesmente guardar dinheiro. Trata-se de uma estratégia financeira que faz aumentar o capital. 

Em outras palavras, o dinheiro bem investido rende mais em menos tempo e assim seu capital aumenta mais rápido.

Quer um exemplo?

Deixar o dinheiro parado na poupança pode não ser suficiente para algumas metas que têm prazo – como ir à Copa do Mundo 2026, por exemplo. Isso porque na poupança o rendimento é muito pequeno.

Já a mesma quantia investida em opções de renda fixa ou variável mais rentáveis pode crescer bem mais e, assim, permitir que seu objetivo seja alcançado dentro do período desejado.

Portanto, veja algumas opções interessantes de investimentos para que seu montante em 2026 seja grande o bastante para assistir aos jogos e passear pelo México, Canadá ou Estados Unidos.

Renda fixa

Se você se encaixa no perfil de investidor conservador, ou seja, aquele que não gosta de arriscar e quer ter previsibilidade quanto aos rendimentos, é mais indicado investir em renda fixa.  

Separamos duas boas opções. 

1. Tesouro Direto

Um dos queridinhos da renda fixa é o Tesouro Direto.

Ele é como se fosse um empréstimo de dinheiro que você faz ao governo. E por isso, o investidor recebe juros referente a esse empréstimo – o que gera um rendimento controlado e interessante

O valor desses juros que você ganha pode ser baseado em alguns fatores, dependendo do tipo de Tesouro Direto. 

Vamos destacar os juros prefixados LNT. Aqui, todos os juros são pagos no vencimento do título – que pode ser numa data próxima à Copa de 2026. 

Ou, você também pode optar por tentar ter um rendimento um pouco maior investindo no Tesouro Direto IPCA NTN-B Principal

O nome assusta, mas é apenas um Tesouro Direto no qual a taxa de juros é em parte fixa e parte baseada na inflação, sendo que também é pago no vencimento do título.

2. CDB

Caso você queira ousar um pouco mais nos seus investimentos para a Copa do Mundo de 2026, pode optar por algum título privado como o CDB. 

Há a possibilidade de ganhar mais no final das aplicações. Mas fique atento à variação de juros que pode ocorrer.

Nesta classe, você compra um título de dívida de algum banco, e também recebe juros por isso. 

Assim como o Tesouro Direto, no final você recebe o dinheiro que investiu mais os juros. E eles também podem ser fixos, variáveis ou mistos.

Renda variável

Agora, caso você esteja disposto a ousar mais, pode ser uma boa ideia investir em renda variável

Sempre é bom lembrar que apesar dos riscos aqui serem maiores, os  ganhos também costumam ser.

1. Ações com dividendos

Uma forma interessante de reunir dinheiro com renda variável para viajar para os países da Copa em 2026 é investindo em ações que pagam dividendos

Nessa classe de aplicação, as empresas ou S/As disponibilizam ações do seu patrimônio na bolsa de valores e também distribuem partes dos lucros para os acionistas

Mas é preciso ter um conhecimento mais avançado do mercado financeiro e pesquisar bastante, porque atualmente a maioria das empresas tem pago dividendos abaixo da taxa básica de juros. 

Algumas das que apresentam bons dividendos são empresas de commodities.

2. Fundos Imobiliários

Os fundos imobiliários costumam ser bons investimentos porque também pagam dividendos. Em outras palavras, os lucros obtidos com os aluguéis das propriedades do fundo são divididos entre os investidores. 

E a boa notícia é que há fundos que pagam todos os meses, o que pode ajudar o investidor a ter mais controle sobre seus rendimentos

Ainda, se o investimento estiver de acordo com alguns critérios, fica livre de Imposto de Renda.

Portanto, pode ser uma boa maneira de garantir suas economias para cobrir os gastos durante a Copa de 2026. E quanto antes começar a investir, melhor.

Cabe mencionar que você não precisa escolher apenas um tipo de investimento. 

O ideal é diversificar para ter mais segurança e maior rentabilidade. Por isso, se você precisar de ajuda para montar uma boa carteira ideal para você – inclusive para ir à Copa –  saiba que pode sempre contar com a ajuda da assessoria especializada da Blue3 Investimentos

Estratégias de investimentos com o craque Kaká

Você sabia que além de um dos maiores ídolos do futebol, o craque Kaká também é um investidor de alta performance?

Ele levou as lições que aprendeu com o esporte para o mercado dos investimentos, construindo um patrimônio sólido por meio de muita disciplina e estratégia

Para quem sonha em acompanhar a Copa 2026 ao vivo, os conselhos do jogador podem ser um grande diferencial para o sucesso do planejamento da viagem.

A boa notícia é que você pode assistir o próprio Kaká revelar seus segredos sobre o assunto. O jogador participou de um encontro exclusivo com a Bue3 Investimentos, onde contou todos os detalhes da sua jornada como investidor.

Confira o evento “No Campo dos Investimentos com Kaká” no vídeo abaixo:

 

Written By
Redação It's Money

A redação do portal It’s Money é formada por um time de profissionais com ampla experiência editorial, com acompanhamento e revisão de jornalistas especializados.