Notícias Resultados Corporativos

Banco ABC (ABCB4) tem lucro líquido de R$ 231,5 milhões no 4T23, alta anual de 17,3%

Banco ABC (ABCB4) tem lucro líquido de R$ 231,5 milhões no 4T23, alta anual de 17,3%
  • Publicado em 6 de fevereiro de 2024

O Banco ABC reportou um lucro líquido recorrente de R$ 231,5 milhões no 4T23, o que representa um avanço de 17,3% na comparação com o 4T22.

A instituição financeira também divulgou um lucro líquido de R$852 milhões no encerramento de 2023, equivalente a um Retorno sobre Patrimônio Anualizado (ROAE) de 15,5% e de 16,0%.

“Este resultado foi obtido apesar de um crescimento de mercado de crédito significativamente abaixo da média histórica. E de importantes eventos de crédito que influenciaram negativamente o mercado de renda fixa local (DCM) no primeiro semestre”, avaliou a empresa em seu release de resultados.

Segundo leitura da DVinvest, a companhia conseguiu apresentar um bom crescimento lucros no período. “Por outro lado, no ano está com problemas de rentabilidade devido a um gasto maior com provisões para inadimplência”.

“Apesar da inadimplência ainda estar baixa, ela precisa ser revertida para ele não ter problemas futuros. Por outro lado, o Basileia do banco está aumentando, o que melhora sua solidez financeira”.

Além do Banco ABC , confira os resultados corporativos do 4T23 já divulgados pelas empresas.

Análise de resultado ABCB4 (4T23)  

“O resultado não foi ruim, mas está longe do que o banco apresentou em 2023”, diz Renato Reis, analista fundamentalista da DVinvest que faz análises dos resultados corporativos para o It’s Money, 

Ademais, Reis avalia que o ROE apresentou leve queda em relação ao trimestre anterior e a inadimplência segue evoluindo devido a uma piora no segmento Middle. 

“Mesmo com os resultados piorando, a ação está próxima de seu topo histórico, o que não vejo de forma positiva, então prefiro ficar de fora no momento atual”, finaliza.  

resultado-corporativo-bancoABC-4T23_its-money
Confira a tabela com os principais resultados da Banco ABC Brasil  (ABCB4) no 4T23. Acesse o release completo no site da empresa.

casa-de-análise-de-ações_its-money

Histórico de resultados ABCB4 

Agora, confira abaixo o histórico de resultados do Itaú (ITUB4), com um resumo dos principais números levantados no reporte das empresa, além da análise do especialista. Boa leitura!

Balanço corporativo ABCB4 3T23

O Banco ABC Brasil (ABCB4) reportou lucro líquido de R$228,2 milhões no terceiro trimestre de 2023. Esse é o maior valor trimestral já apresentado, com crescimento de 13,0% em relação ao trimestre anterior e de 4,6% em relação ao mesmo período de 2022.

“O retorno sobre patrimônio anualizado (ROAE) foi de 16,5% no período. Uma expansão de 141 pontos base em relação ao trimestre anterior e o 7º trimestre consecutivo acima de 15% ”, informou o Banco.

Renato Reis, analista fundamentalista da DVinvest, que faz análises dos resultados corporativos para o It’s Money, diz que os números pioraram em relação ao ano passado.

A inadimplência é o maior causador disso, segundo o analista. “Já que está aumentando desde 2022 e está em trajetória ascendente, algo que preocupa.” Como consequência, os gastos com provisões também estão aumentando, o que reduziu o ROE do banco.

“Apesar do papel ter um preço alvo um pouco mais alto do que o preço de tela, eu ficaria de fora até que a inadimplência apresentasse um ponto de inflexão. Isso porque não sabemos até onde ela vai aumentar, agravado pelo fato dos indicadores de proteção (cobertura e Basileia) estarem reduzindo.”

abcb4-analise-de-resultado
Confira a tabela com os principais resultados da Banco ABC Brasil  (ABCB4) no 3T23. Acesse o release completo no site da empresa

Balanço corporativo ABCB4 2T23

O Banco ABC Brasil  (ABCB4) reportou lucro líquido de R$ 201,9 milhões no acumulado do segundo trimestre de 2023 (2T23). Com o resultado, o lucro do banco apresenta alta 6,2% em relação ao trimestre anterior e de 0,1% contra igual período de 2022.

Além disso, a empresa apresentou um Retorno sobre Patrimônio Anualizado (ROAE) de 15,1% no período. A expansão foi de 63 pontos base em relação ao trimestre anterior.

O resultado do Banco ABC (ABCB4) foi bom, mas perigoso. A empresa voltou a crescer seu ROE e melhorou os spreads que cobra dos clientes”, observa Renato Reis, analista fundamentalista da DVinvest.

Por outro lado, para Reis, a inadimplência segue aumentando especialmente para os clientes com menor faturamento e o índice de cobertura reduziu de forma relevante.

“Devido a inadimplência do banco ser bem menor do que os de varejo, ele pode se dar ao luxo de deixar aumentar um pouco. Porém, esse processo pode ser bem custoso no futuro caso gere problemas maiores”, finaliza o analista.

Written By
Redação It's Money

A redação do portal It’s Money é formada por um time de profissionais com ampla experiência editorial, com acompanhamento e revisão de jornalistas especializados.